06 June 2011

Vintage Style for Kids :: Book Review







Poucas pessoas resistem a roupa de criança. Eu própria às vezes entro em lojas só para ver os vestidos, os calções com peitilho, os fatos de banho e os sapatos. Gosto de crianças vestidas como crianças e não como mini-adultos. E, apesar de tentar fugir ao revivalismo fácil, tenho de admitir que as crianças de há 30, 40 ou 50 anos vestiam roupa com muita graça. 

Quando me surgiu a oportunidade de fazer uma crítica ao Vintage Style for Kids da Fiona Bell (fundadora da marca londrina Their Nibs), nem pensei duas vezes. Eis um livro ultra apetecível do ponto de vista visual, repleto de modelos de roupa para bebés e rapazes e raparigas até aos 8 anos. Para além de roupa (vestidos, calções, jardineiras, saias, camisas e pijamas), o livro inclui ainda outros projectos para os quartos das crianças e está cheio de pequenos pormenores como receitas e jogos tradicionais infantis. O género de roupa é simples, clássico e intemporal, sem demasiados folhos nem franzidos mas com detalhes que nos transportam para décadas passadas. A produção fotografica é extraordinariamente inspiradora (é incrível como os livros hoje em dia são muito mais do que simples conjuntos de instruções) e há um CD no final que inclui todos os moldes em todos os tamanhos (basta imprimi-los em casa em folhas A4 e depois colá-las umas às outras).

Few people can resist children's clothes. I sometimes go into shops just to admire the little dresses, dungarees, swimsuits and shoes. I like children dressed as children rather than mini adults. And although I try to stand clear from revival movements just for their own sake, I have to admit that 30, 40 or 50 years ago, children wore really cute clothes.

When the opportunity to review Vintage Style for Kids by Fiona Bell (founder and owner of Their Nibs in London) came up I didn't even hesitate. Here's an extremely appealing book full of great designs for babies and boys and girls up to age 8. In addition to all the clothes (dresses, shorts, dungarees, skirts, shirts and pyjamas), the book includes other projects for kids' rooms and little details like recipes and traditional children games. The style of clothing is simple, classic and timeless, without too many frills but with details that transport you to bygone decades. Both the photography and styling are hugely inspiring (it's amazing how books nowadays are so much more than just series of instructions) and there's a CD at the end that includes all the patterns in all sizes (you just have to print them at home and piece them together).




Para testar as instruções, fiz um vestido para a minha sobrinha bebé. O modelo é aquele que aparece na última fotografia, imediatamente antes do primeiro parágrafo que escrevi neste post — aquele cor-de-rosa claro com mangas com babados. Fiz algumas alterações (não o forrei porque o Verão em Portugal é quentíssimo, usei uma fita de viés contrastante, deixei de fora o bolso e apliquei as mangas de maneira diferente) e gosto imenso do resultado.

Em relação ao grau de dificuldade, este não é um livro para principiantes. A meu ver, há dois tipos de instruções no universo dos livros de costura contemporâneos: as americanas e as europeias. As americanas são tão detalhadas que até um marciano as conseguiria seguir, enquanto que as europeias assumem imensos conhecimentos prévios e sobretudo alguma prática. É um bocado como os livros de receitas de há 50 anos e os de agora, já repararam nisso? Este livro, sendo inglês, integra-se claramente na última categoria. É óbvio que fazer roupa de criança não é nada de transcendental e que uma pessoa, desde que se concentre e pense um bocado, consegue fazer a peça de roupa sem problemas, mas parece-me que, quem não cosa há muito tempo e goste que lhe dêem a mão durante o processo, poderá deparar-se com algumas dificuldades. Dito isto, eu estou longe de me considerar uma especialista na matéria e a verdade é que fiz um vestido e tenciono fazer muitos mais. 

In order to test the instructions I made a dress for my baby niece. I chose the one that appears in the last image before the first paragraph I wrote in this post — the light pink with angel sleeves. I made some alterations (I didn't line it because summers in Portugal are so very hot, used a contrasting bias tape, left out the pocket and fitted the sleeves differently) and I'm very pleased with the result I got.

Regarding the degree of difficulty, I believe this isn't a book for beginners. As far as I'm concerned, there are two types of instructions in the world of contemporary sewing books: the American kind and the European kind. American instructions are so detailed that even a Martian would be able to follow them, whilst European ones assume a lot of prior knowledge and some practice. It's a bit like 50-year-old cookery books and modern ones, do you see what I mean? Being British, this book is clearly of the latter type. It's obvious that sewing kids' clothes isn't rocket science and whoever is prepared to focus their attention and think for a minute or two will be able to achieve great results. However, those people who aren't very experienced and who like to be guided through the whole process may face some difficulties. That being said, I'm by no means an expert and I managed to make one dress and intend to try sewing many more patterns from this inspiring book.

(photos: Constança Cabral)

24 comments:

Carla M said...

Muito muito giro :)
E adorei o pormenor do tecido...mais uma vez estás de Parabéns!

Cecilia e Helena said...

Muito bom, Constança! Gostaria de ver mais resenhas (reviews) suas aqui no blog. Ah, e o vestido ficou lindo! Parabéns!
Beijos,
Helena

Carla Maciel said...

O livro é muito lindo!! Adoro roupas de crianças assim, sem muitos enfeites e sem querer parecer adultos!! A camisa branca de menino que aparece em umas das páginas, nossa!!! Que vontade de aprender a costurar!!! Grande beijo!
www.arquitrecos.com

letras e outras massas said...

Olá Constança!

enquanto mãe não poderia estar mais de acordo. Passo a vida a dizer a todos que enquanto a minha Mafalda for uma criança vestir-se-á como uma criança. Afinal, terá tempo de sobra para ser adulta.
O vestido ficou um mimo e as casas melhoram a cada tentativa!
Parabéns!

Beijos

Sandra

angharad handmade said...

Oh I agree, so much nicer to dress children as children. It's a real struggle to find things I'm willing for mine to wear in the shops sometimes. The dress is adorable!

Rose Fern said...

The dress is so cute!

Raquel Úria said...

Muito bonito. Simples e perfeito.

inês nogueira said...

ficou fantástico, constança! e o tecido é delicioso. muitos parabéns :)

jeito simples said...

Lindo trabalho. Muito bem feito e caprichado. O bom gosto é imperativo.
Parabéns!
Vá em frente menina!

orsolya vanessza kiss said...

Beauty !!!! :)

ss said...

Que lindo!!!!!!
E aque livro aconselharias a quem adquiriu recentemente uma maquina de costura e que quer comecar a fazer umas roupinhas ? Coisa simples para comecar....

Vanessa said...

Que vestido fofo, realmente é muito prático para o nosso Verão! E concordo plenamente, as roupas mais antigas eram giríssimas. Felizmente tenho uma avó que guardou algumas relíquias que me deliciam! E para mim, pior que vesti-los como mini-adultos, é vesti-los com roupa escura sem graça...

Naná said...

Os vestidos são tão lindos! Adoro o estilo vintage, e em crianças ainda mais!

Bibiana said...

Absolutamente amoroso* e o que mais adoro na costura ver a evolução* as casas já ficaram bem melhores* a roupa tem tantos segredos mas com o tempo descobre-se tudinho* love it keep going*

Anonymous said...

Bom dia Concha,

Vestidinhos do meu tempo. Mas certamente também tiveste, quando eras pequena, existia em Portugal a Materna e a Cenoura, para falar só dessas, e os modelos que usavam eram bem vintage, especialmente a Materna.
Parabéns. Parabéns! Each day you are becoming more and more expert in what you do. May I say that I feel you a bit nostalgic??? A baby coming soon or only a wish?
All the best.

Gena

SofiAlgarvia said...

O livro parece-me muito apetecível e a tua crítica foi excelente. Agora já sei com o que conto, se me decidir a comprá-lo. Obrigada, Concha!
O vestido da tua sobrinha está muito mimoso. Parabéns!

Jane Flanagan said...

The dress is adorable!! I must learn to sew one of these days - though I suspect it would take me a long time to get to this skill level.

Sally said...

the dress is beautiful, I love the touch of red. You comments on the book and the form of European or American are very helpful and insightful.

Ana V. said...

Gosto muito. Para quando um para um bebé seu?

mina said...

olá!! adorei o tecido do vestido, muito lindo mesmo

Ateliê Basile said...

Concha, certamente vou procurar e comprar o livro. Adoro livros com moldes de roupas para crianças.

Em relação a esse (que nem vi pessoalmente ainda) fica uma reclamação (quem sabe vc consegue passá-la para os editores): moldes para imprimir e colar são muito chatos! Perde-se um tempo que já poderia estar sendo gasto com a costura.

Adoro quando os livros de costura vêm com moldes em tamanho natural já impressos.

Beijos e parabéns pelo vestido em estilo navy. Muito estiloso.

Vivi Basile

Fleur de Lin said...

Well done!
This book looks really interesting.

About the difference between European and American "pedagogy", I totally agree with you. Sometimes it's not very funny when it takes several hours to complete an instruction described in one single sentence...

andrea said...

you did a great job! I love the little dress :)

Vânia Beliz said...

Querida Constança, nem de proposito, ia escrever-te mesmo para te perguntar se me podias indicar um livro de roupinha para criança, onde cosnigo compra-lo para oferecr com urgência à minha mãe? Muitos beijinhos PARABÉNS e obrigada

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...